Terça, 02 de março de 2021
(11) 9 6352.8336
Saúde

18/01/2021 às 11h55

94

Redação

Cotia / SP

Índia só enviará vacina ao Brasil após atender "vizinhos asiáticos"
Avião que partiria para o país asiático em busca do imunizante cancelou o voo e foi destinado ao envio de oxigênio para Manaus
Índia só enviará vacina ao Brasil após atender
Governo indiano deve priorizar vizinhos antes de enviar vacina para outros continentes – Foto: Reprodução

Após esforço do governo federal em comprar doses da vacina contra a Covid-19 que está sendo produzida na Índia, e acabar tendo uma resposta negativa do governo indiano, que afirmou não ter condições de suprir a demanda brasileira no momento, novas informações apontam que o Brasil terá que “esperar na fila” para garantir o imunizante.


Isso porque, segundo o jornal Times of India, autoridades do governo indiano planejam enviar as primeiras doses da vacina contra o coronavírus para seus “vizinhos asiáticos” nas próximas semanas. De acordo com o portal IG, a ideia é oferecer as remessas do imunizante para Nepal, Butão, Bangladesh, Myanmar, Sri Lanka, Afeganistão, Maldivas e Ilhas Maurício como uma forma de diplomacia, garantindo assim que todos consigam iniciar o processo de imunização.


Ainda segundo a publicação, inclusive, o primeiro carregamento aos países vizinhos já seria entregue em um “gesto de boa vontade” da Índia. Sendo assim, os países ficariam apenas com a necessidade de pagar os institutos que estão desenvolvendo as vacinas: o Serum ou o Bharat Biotech. Na Índia, a imunização começou no último sábado (16) e alcançou mais de 190 mil pessoas apenas no primeiro dia.

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados