Segunda, 27 de setembro de 2021
(11) 9 6352.8336
Cotia

13/09/2021 às 18h57 - atualizada em 13/09/2021 às 19h18

114

Redação

Cotia / SP

Cotia realiza evento ‘Voz e Visibilidade às pessoas Desaparecidas’
Evento marcou os 20 anos do desaparecimento da cotiana Marla Gadelha e foi organizado pela Secretaria de Direitos Humanos, Cidadania e da Mulher e de Desenvolvimento Social
Cotia realiza evento ‘Voz e Visibilidade às pessoas Desaparecidas’
Fotos: Vagner Santos

Na manhã desta segunda-feira (13/09), a Prefeitura de Cotia, por meio da Secretaria de Direitos Humanos, Cidadania e da Mulher e de Desenvolvimento Social, realizou o evento ‘Voz e Visibilidade às Pessoas Desaparecidas’, no auditório do Paço Municipal, para um grupo de convidados. O encontro marcou os 20 anos do desaparecimento da professora de Cotia Marla Gadelha e a busca da família por informações e por políticas públicas voltadas para a causa. No início deste mês, o prefeito Rogério Franco sancionou a Lei 2178/2021 que institui no dia 13/09 o ‘Dia para a Voz e Visibilidade às Pessoas Desaparecidas’.


‘Voz e Visibilidade’ foi lançado para iniciar uma nova política pública para desaparecidos em Cotia e a causa foi abraçada pela Vice-prefeita e Secretária de Direitos Humanos, Cidadania e da Mulher, Ângela Maluf. “Essa ação tem o propósito de dar visibilidade às famílias que passam pela dor imensurável da perda repentina de um ente querido. Famílias que ora acordam vivenciando a esperança viva do reencontro, ora o luto da despedida”, disse.


A filha de Marla, Camila Gadelha, esteve presente ao evento, além do vereador Celso Itiki (o presidente da Câmara), Ivanise Esperidião (ONG Mães da Sé), Ricardo Navarro (Promotor de Justiça de Cotia), José Carlos Calderari (Comissão de Direitos Humanos da OAB de Cotia), Darko Hunter (Diretor Técnico da Divisão de Localização Familiar e Desaparecidos da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo, SP).


O coordenador Nacional de Desaparecidos do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, Patrick Mallmann, participou do evento por meio de um vídeo. “[...] é fundamental Cotia e outros municípios se organizarem para dar visibilidade para os desaparecidos”, disse Patrick. “Temos 80 mil desaparecidos por ano no Brasil, dois terços retornam às suas casas e outro terço fica desaparecido, como aconteceu com a família Gadelha. Meu pedido especial é: sigam este caminho no sentido de dar visibilidade aos desaparecidos, quanto mais as pessoas souberem quem está desaparecido, mais fácil será encontrá-los”, completou.


O evento também marcou o lançamento do videoclipe homônimo que pode ser conferido abaixo.


Quem é Marla Gadelha?


Marla Gadelha é uma professora que lecionava em Cotia e está desaparecida desde 13/09/2001. Vinte anos depois sua filha Camila Gadelha Lages permanece em busca por informações sobre sua mãe que saiu pela manhã, em sua rotina diária, e nunca mais foi vista.


Hoje, mãe e filhos são inspiração para uma Política Pública que busca dar voz e visibilidade aos familiares de pessoas desaparecidas no município de Cotia, conforme Lei Federal  Nº 13.812, DE 16 DE MARÇO DE 2019.


 


Videoclipe da campanha Voz e Visibilidade às Pessoas Desaparecidas, lançado hoje (13) durante o evento na Prefeitura de Cotia.


 

FONTE: Secom/Cotia

Clique nas imagens abaixo para ampliar:
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados